Coronavírus

Vacinação antirrábica chega às regiões Leste, Norte e Noroeste de Goiânia

Ao todo, estarão disponíveis 12 locais onde a população poderá levar seus cães e gatos para tomarem a vacina. A meta da campanha, que vai até 11 de dezembro, é imunizar 186 mil animais na capital, 6 mil já tomaram as doses

Publicado em: 25 de setembro de 2020 às 10:19 | última atualização: 25 de setembro de 2020 às 10:19

Tamanho da fonte:
-A A A+

A Campanha Nacional de Vacinação Antirrábica, iniciada em Goiânia no dia 14 de setembro de 2020, chega a terceira semana. A partir da segunda-feira, 28, a Prefeitura de Goiânia disponibilizará por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), 12 postos para aplicação das doses nas regiões Leste, Norte, e Noroeste. A vacinação nesses locais irá até o dia 10 de outubro nas modalidades drive thru e pedestre, das 9h às 16h.

O cronograma de vacinação com os locais e horários de atendimento está disponível no site da SMS através do link: https://saude.goiania.go.gov.br/campanha-de-vacinacao-antirrabica-2020/ . Até o momento foram vacinados 6.203 animais, mas a meta da SMS é de alcançar o total de 189 mil pets. 

A vacina é gratuita e pode ser aplicada em cães e gatos a partir de três meses de idade. Os responsáveis pelos animais deverão utilizar máscara durante sua permanência nos postos de vacinação. Os locais serão preparados para realizar a imunização dos animais de forma segura, atendendo aos protocolos de segurança. 

É importante ressaltar que a vacina antirrábica é a única forma de prevenir a raiva animal, enfermidade que pode ser transmitida ao ser humano pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura. Em humanos a doença pode ser fatal em quase 100% dos casos. O último caso de raiva humana em Goiânia foi em 1999 e de raiva canina no ano de 2000. 


Serviço:

Assunto: Vacinação antirrábica chega às regiões Leste, Norte e Noroeste de Goiânia 

Data: 28 de setembro

Horário: 9h às 16h

Local: Escola Municipal Bom Jesus- Praça Washington - Jardim Novo Mundo

Contato: Izaías Ferreira gerente de Controle de População Animal 

Rafaela Anjos, da editoria de Saúde