Coronavírus

Testagem ampliada revela menor percentual de infectados com Covid-19

Levantamento da última semana, nos sete distritos sanitários de Goiânia, identificou 3,9% dos casos positivos

Publicado em: 21 de abril de 2021 às 09:30 | última atualização: 21 de abril de 2021 às 09:32

Tamanho da fonte:
-A A A+

O resultado da última testagem ampliada, realizada semanalmente pela Prefeitura de Goiânia em escolas municipais dos sete distritos sanitários da capital, apresentou um dado animador, que é a queda na taxa de positividade. O levantamento indicou um percentual de 3,9% de contaminados. Em fevereiro deste ano, em testagem realizada na região central, este índice chegou a 17%.

Para o superintendente de Vigilância em Saúde, Yves Mauro, este resultado traz maior segurança e indica que o trabalho da Secretaria Municipal de Saúde tem sido realizado com eficiência. No entanto, não significa que há menos vírus em circulação. “Acompanhamos diariamente diversos indicadores, que são responsáveis por orientar o nosso trabalho. A testagem ampliada é um balizador importante, mas não é decisivo”, destaca Yves Mauro ao mencionar também a taxa de transmissão que, atualmente, está em 0,9.

O prefeito Rogério Cruz já demonstrou bastante preocupação com o resultado da testagem ampliada na Região da 44 que, na ocasião, revelou a maior incidência de contaminação. “De 2 mil pessoas testadas, quase 400 estavam contaminadas e não sabiam. É muito importante que realizemos este trabalho para, justamente, identificar aqueles que estão contaminados e isolá-los. Só assim vamos reduzir a capacidade de transmissão do vírus”, ressalta.

O público contemplado nestas abordagens são pessoas acima de 12 anos que não apresentam sintomas. “Aqueles que são confirmados positivos são assintomáticos e estão suscetíveis a infectar familiares, amigos e outras pessoas em ambientes comuns.”, afirma o superintendente.

Lucas de Godoi, da Diretoria de Jornalismo

Foto: Jackson Rodrigues