O prefeito Rogério Cruz intensifica ações para concluir obras iniciadas em gestões passadas, como o Viaduto da Moda, na região da Rua 44; o Complexo Viário da Jamel Cecílio; o Viaduto Lauro Belchior e o BRT Norte-Sul. Em paralelo, a prefeitura realiza projetos emergenciais, executa o maior programa de recuperação asfáltica do Brasil, e criou o Bilhete Único, programa com potencial para transformar o transporte coletivo da região metropolitana.

De todas essas ações, o Bilhete Único é a mais recente. O trunfo dele é permitir integração entre linhas de ônibus, sem que o passageiro precise passar por terminais, o que resulta em economia de tempo e conforto para usuários do sistema. A modalidade permite que o usuário faça até quatro integrações, a partir da primeira utilização, com tarifa única de R$ 4,30. O programa propicia que usuário gaste menos com a passagem, e reduza tempo de deslocamento em até 50 minutos, com escolha de melhores trajetos. O bilhete vale por duas horas e meia.

Outra intervenção que vai mudar a configuração do transporte coletivo é o BRT Norte-Sul. O trecho Norte está 93% concluído, e a previsão é a de que fique pronto ainda neste ano, com 120 semáforos já instalados, que correspondem a todos os cruzamentos, do Recanto do Bosque ao Terminal Isidória. As obras na Praça Cívica avançaram nos últimos 15 meses, e 85% da pavimentação no anel interno está concluída. Os terminais Rodoviária e Perimetral aguardam a instalação de equipamentos, e o término das obras civis. O Terminal Recanto do Bosque está pronto e em operação.

O Terminal Isidória é outra obra de mobilidade que está na parte final de construção. As obras começaram em setembro de 2019, e o trabalho de infraestrutura do terminal foi totalmente concluído, restando apenas ajustes finais que estão sendo executados pela secretaria de Tecnologia (Sictec) e a CMTC.

Os primeiros 15 meses de gestão foram marcados pela entrega da nova extensão da Avenida Leste-Oeste, e do Viaduto da Moda, antes do período natalino, quando aumenta o movimento no polo. No mês de setembro de 2021, a prefeitura concluiu as obras, que custaram R$ 12,9 milhões, e agora beneficiam mais de 16 mil empresas, com seus funcionários e clientes.

Grandes obras
A Secretaria Municipal de Infraestrutura trabalha para finalizar outros dois viadutos na capital: o Complexo Viário da Jamel Cecílio e o viaduto Lauro Belchior.

A obra da Jamel Cecílio está em processo de finalização. As obras começaram em 2019, e o viaduto sobre a Marginal foi entregue em dezembro de 2020, bem como a rotatória no nível da Alameda Leopoldo de Bulhões e a trincheira da Marginal Botafogo até a Avenida 2ª Radial. Já foram realizados, no local, serviços de drenagem complementares, com mais de 300 metros de comprimento, instalação de meios-fios e 28 bocas de lobo; iluminação e nova rede de eletrificação. A prefeitura ainda trabalha na pavimentação no trecho das duas trincheiras, conclusão das calçadas, plantio de grama e sinalização horizontal e vertical. A previsão é que a entrega seja feita nos próximos meses.

O viaduto Lauro Belchior, localizado sobre a BR-153, km 498, entre a Avenida Ribeirão Preto (Jardim Novo Mundo), e a Rua 117 (Setor Leste Universitário), foi iniciado em maio de 2020, com orçamento de R$ 8,8 milhões. Hoje, a obra está 75,78% concluída. A concretagem do viaduto terminou em março. A prefeitura agora trabalha na pavimentação asfáltica nas vias de ligação, sinalização horizontal e vertical, calçadas e iluminação pública. A estrutura vai desafogar a principal via de ligação entre a Região Leste e a Central da capital.

Asfalto
A prefeitura de Goiânia é responsável pelo maior programa de reconstrução asfáltica do país: o Projeto 630. O programa executou 2,98 milhões de metros quadrados de recuperação asfáltica durante a gestão do prefeito Rogério Cruz, com 76,05% das obras previstas concluídas. O programa entregou, também, recuperação de 266 vias em 46 bairros da capital. Além disso, a prefeitura executou, de forma direta, nove mil metros de recapeamento, beneficiando bairros que não estavam contemplados no projeto original.

A prefeitura também pavimentou 103 ruas da capital, o que totaliza 33 quilômetros de asfalto novo entregue para a população. Benefício contempla moradores de bairros como a Estância Shangry-lá, que recebeu, além de asfalto, drenagem e galerias de água pluvial. Obras foram entregues em outubro do ano passado.

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia

prefeitura de goiânia

Seinfra