O prefeito Rogério Cruz anunciou, nesta quarta-feira (14/12), durante o evento em que homenageou estudantes destaques de 2022, ajuda de custo para todos os mais de 19 mil servidores da Educação. O projeto de lei que prevê a concessão do benefício será enviado pela gestão à Câmara Municipal nesta semana.

Além do benefício de ajuda de custo, o prefeito anunciou a entrega de kits para todos os estudantes do 5º ao 9ºano do Ensino Fundamental da rede pública municipal de ensino, a partir de janeiro de 2023. Eles terão cadernos para as disciplinas, caderno de desenho, apontador, borracha, canetinhas, tesoura sem ponta, cola branca, cola colorida e lápis de cor.

“O nosso município finaliza o ano de 2022 com investimentos recordes em Educação”, afirmou Rogério Cruz. “Em um ano, garantimos o reajuste do piso dos professores em 15%, o pagamento de três datas-base e a concessão de 4.987 progressões horizontais. Agora, finalizamos este ano de conquistas com essa ajuda de custo”, completou.

Durante o evento, o secretário municipal de Educação da capital, Wellington Bessa, afirmou que a valorização dos servidores é marca da atual gestão. “A ajuda de custo é uma forma da Prefeitura de Goiânia reconhecer o trabalho promovido por todos os servidores da rede, que se dedicaram para que Goiânia saltasse de 9º para o 4º melhor Ideb entre as capitais brasileiras”, acrescentou.

Homenagem aos estudantes
Na solenidade, que ocorreu no Centro de Convenções da PUC Goiás, 1.320 estudantes foram homenageados pelas notas obtidas no Projeto Alfabetização em Foco (1° e 2° anos), no Exame Bimestral do Ensino Fundamental (3° a 9° anos) e na Educação de Jovens e Adultos (EJA). Escolas que registraram maiores notas no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) receberam uma placa comemorativa.

“A iniciativa foi construída para reconhecer o empenho dos estudantes no ano letivo de 2022, que registrou importantes conquistas para a Rede Municipal de Ensino, incluindo a melhoria no Ideb, principal indicador que avalia a qualidade da educação no país”, ressaltou Wellington Bessa.

Secretaria Municipal de Educação (SME) – Prefeitura de Goiânia

prefeitura de goiânia