O presidente da Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), Alex Gama, prestigiou, na manhã desta quarta-feira (1/12), o café da manhã de apresentação do livro “Sem Vergonha”. A obra foi escrita por 13 mulheres, entre as quais a gari Jussilene Mota, que é coautora.

Durante o evento, realizado no Viveiro Redenção, Alex Gama sorteou 10 unidades da obra entre os servidores. Em seguida, declarou que as autoras precisaram de coragem para expor parte do que ocorreu em suas vidas. “São mulheres que mudaram suas vidas e vão encorajar outras pessoas”, disse.

Alex também fez questão de comentar ser preciso acreditar sempre que dias melhores virão, ter fé e acreditar em Deus. “Vocês são exemplos para Goiânia, Goiás e para o Brasil, de que vale a pena lutar e permanecer firmes na busca dos sonhos”.

Ao comentar sobre as primeiras impressões do livro, o presidente acredita que a obra motivará homens e mulheres que tiverem acesso às histórias contadas. “ É um orgulho saber que a Comurg tem mulheres como Jussilene, que não tem vergonha de contar sua história e dá exemplo a outras pessoas”.

Obra

O livro de 128 páginas trata de temáticas sobre superação feminina. A servidora da Comurg, Jussilene Mota, é umas das coautoras que compartilha histórias de enfrentamento, medos, traumas e conflitos comportamentais. A obra literária busca incentivar mulheres que estejam em situações difíceis.

Silvio Soũls, da editoria de Urbanização

Comurg

Servidores de Comurg

superação