A Prefeitura de Goiânia, por meio de ação coordenada pela Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (SEDHS), iniciou, na última sexta-feira (17/09), rodas de conversa e palestras nas escolas municipais com objetivo de conscientizar alunos contra exploração do trabalho infantil. As Ações Estratégicas de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Aepeti) compõe os serviços de Proteção Social Especial desenvolvidos pela secretaria.

“O trabalho de conscientização das crianças e adolescentes alcança a comunidade escolar, e auxilia na formação de toda a sociedade”, afirma o secretário municipal de Desenvolvimento Humano e Social, Nélio Fortunato, ao frisar que o tema é abordado de forma lúdica e interativa.

Entre os meses de setembro a novembro, os Centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) e a rede de proteção a crianças e adolescentes realizarão palestras e atividades nas escolas para conscientizar os alunos sobre mitos e verdades do trabalho infantil.

A ação dessa semana foi na Região Noroeste de Goiânia, na Escola Municipal Cel José Viana Alves, sob a coordenação do Creas Noroeste, que apresentou o assunto às crianças de forma lúdica, com uma peça de teatro dialogada com elas. Cinco escolas da rede municipal, de diferentes regiões de Goiânia, receberão as rodas de conversa.

Os agentes envolvidos na rede de proteção de crianças e adolescentes, participantes das rodas de conversa, são os Creas, Seas, Cras, SCFV CMDCA, SME, SMS, SMob, Conselhos Tutelares do município de Goiânia, sociedade civil organizada (CESAN, SindPosto, Fecomércio (SESI/SENAT/SESC), ISBET ; SRTE e MPT.

Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social (Sedhs) – Prefeitura de Goiânia

prefeitura de goiânia