O prefeito Rogério Cruz, acompanhado da primeira-dama, Thelma Cruz, iniciou, na manhã desta segunda-feira (14/02), a distribuição de 2.629 cartões do programa Renda Família +Mulher. A segunda etapa de entregas contempla as beneficiadas com R$ 1,8 mil, em seis parcelas de R$ 300.

Em evento realizado na Escola Municipal Professora Lousinha, no Residencial Itamaracá, Cruz afirmou que “este é um projeto construído com muito carinho que, além de trazer dignidade e comida na mesa, fomenta o comércio local”. O cronograma de entregas segue até 21/02.

Em 2021, foram destinados R$ 7 milhões no programa Renda Família +Mulher. O número de beneficiárias chega a 6 mil.

O prefeito de Goiânia destacou a luta das mulheres para conquistar seus espaços e cuidar das famílias, principalmente neste período de pandemia.

“Estes cartões já chegam às suas mãos com a primeira parcela de R$ 300 destinados à compra de alimentação. E, como recebemos pedidos de um cartão que possibilita também a compra de medicamentos, estamos a analisar, junto à Secretaria Municipal de Saúde, a viabilidade de um recurso para este fim”, assegurou o prefeito.

Apesar da queda superior a R$ 2 bilhões em arrecadações com a pandemia, os investimentos da Prefeitura de Goiânia em saúde, educação, infraestrutura e programas sociais continuam.

Também avançam iniciativas que viabilizam a aquisição de moradia, como o programa Casa Verde-Amarela, que começa pela construção de 276 unidades no Conjunto Vera Cruz, de um total de 15 mil.

Inicialmente, foram distribuídos 253 cartões às mulheres cadastradas da região Centro-Oeste. No total, somente em fevereiro, os recursos alcançam mais de R$ 2,5 milhões, incluindo a quarta parcela de R$ 300 da primeira etapa, efetuada na sexta-feira (11/02).

A secretária municipal de Política para as Mulheres, Tatiana Lemos, destacou a importância do benefício específico para o segmento.

“Mulheres tão afetadas pela pandemia, pois foram demitidas de seus empregos, precisaram ficar em casa cuidando da família. Fomos atrás das que mais precisam, uma busca ativa daquelas que desconheciam programas sociais e, agora, contarão com mais dignidade e comida na mesa”, disse Tatiana Lemos.

Além do programa, a secretária convidou as mulheres presentes a se inscreverem nos cursos oferecidos pela Pasta, o que favorece a entrada no mercado de trabalho.

Marina Borges, uma das beneficiadas, não escondeu a gratidão em receber o cartão em mãos. “Minha casa não tem nada na geladeira, então esse não é um valor baixo, mas um benefício que veio em boa hora”, afirmou.

Sobre o programa

O valor será pago em seis parcelas de R$ 300. “A transferência de renda é essencial para que as mulheres tenham acesso a alimentos para suas famílias”, disse o prefeito. “O valor deve ser gasto com despesas in natura em estabelecimentos localizados no município de Goiânia, o que também vai gerar movimentação na economia local”, destacou Rogério Cruz.

O auxílio financeiro é destinado a mulheres que residem em Goiânia e estejam em situação de vulnerabilidade social devido à pandemia de Covid-19. As inscrições estão abertas até o dia 31 de março. Para mais informações, as beneficiárias podem entrar em contato pelo direct do Instagram: @secretaria_mulher.

O auxílio será pago a mulheres que estiverem em, pelo menos, uma das seguintes situações:
• Perderam o emprego e renda.
•Trabalhadoras informais, autônomas e microempreendedoras individuais.
• Mulheres recém-saídas de abrigamentos.
• Mulheres com medidas protetivas em situação de abrigamento.
• Mães solo (inteiramente responsáveis pela criação dos filhos, sem ajuda do pai, a partir de 16 anos de idade).

Veja cronograma e locais das demais entregas:

Região Leste

15/02 – 8h

Escola Municipal Bom Jesus – Jardim Novo Mundo

Região Noroeste

16/02 – 16h

Escola Municipal Maria da Terra – Bairro Floresta

Região Norte

17/02 – 16h

Escola Municipal Hebert José de Souza – Jardim Balneário

Região Oeste

18/02 – 16h
Escola Municipal Dom Tomás Balduíno – Jardins do Cerrado I

Região Sudoeste

19/02 – 10h

Escola Municipal Engenheiro Robinho Martins de Azevedo – Conjunto Habitacional Baliza

Região Sul

21/02 – 8h30

Secretaria de Políticas para as Mulheres – Centro

Secretaria de Comunicação – Prefeitura de Goiânia

#rendafamília #mulheres #auxíliofinanceiro

prefeitura de goiânia

Renda Família Mais Mulher