A prefeitura realiza o credenciamento presencial de artistas, grupos e companhias teatrais interessados em fazer parte do calendário da Retomada Cultural, em Goiânia. O atendimento acontece no Centro Cultural Teatro Goiânia Ouro, na Rua 3, das 08h às 11h, e das 14h às 18h, de segunda à sexta-feira. O período de inscrições começou no dia 3 de agosto e não tem data para se encerrar.

O credenciamento serve também para ajudar a Secretaria Municipal de Cultura (Secult) a mapear o perfil da comunidade artística e cultural da capital. Por meio dele, a gestão reunirá elementos para propor programas que envolvam a classe.

A Secult explica que “o credenciamento é uma ferramenta que se insere no contexto de tecnologia da informação e desburocratização, uma vez que facilita o cadastro do artista, aprimora a transparência nos processos de contratação e pagamento, e forma banco de dados cultural”. No caso da Retomada, permite ao próprio artista cadastrar seu projeto, escolher o evento do calendário cultural do qual pretende participar, e acompanhar o andamento de sua solicitação.

“Para facilitar ainda mais o acesso de todos, abrimos um ponto de atendimento presencial no Cine Ouro, pois pode ser que algumas pessoas não tenham acesso virtual, ou tenham alguma dificuldade com o sistema. Estamos à disposição para fazer o cadastro e tirar todas as dúvidas”, esclarece secretário municipal de Cultura, Zander Fábio.

Cadastro
Aqueles que optarem pelo cadastro presencial devem providenciar e levar toda a documentação relacionada no link do credenciamento:
https://www.goiania.go.gov.br/secult/credenciamento/

Lançamento
O programa da Retomada Cultural, em Goiânia, foi lançado pelo prefeito Rogério Cruz, em março de 2022, quando foi apresentado o calendário de eventos, com investimentos de R$ 8 milhões.

“É importante lembrar da importância da retomada cultural para a economia da cidade, uma vez que no novo Código Tributário reduzimos o ISS das empresas do setor de entretenimento. Agora, temos o menor ISS do país, de 2%. Então, os eventos vão reaquecer a economia local e gerar renda e emprego para os goianienses”, ressaltou o prefeito, quando do lançamento do programa, no Centro Cultural Casa de Vidro Antônio Poteiro.

Secretaria Municipal de Cultura (Secult) – Prefeitura de Goiânia