A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas (SMDHPA), em parceria com a embaixada do Haiti no Brasil, atendeu cerca de 250 imigrantes haitianos com demandas de documentação civil, entre os dias 6 e 8 de junho.

Segundo a titular da SMDHPA , Cida Garcez, a articulação com entes públicos, privados e sociedade civil para assegurar redes de apoio que promovam direitos dos cidadãos é uma determinação do prefeito Rogério Cruz.

“É com alegria que recebemos a missão consular do Haiti em nossa sede para ofertar importantes serviços à comunidade emigrada do Haiti. No momento em que tomamos conhecimento da solicitação da embaixada, colocamos todos nossos serviços à disposição da comissão consular, como espaço físico, internet, agendamento e equipe de apoio”, destaca Cida Garcez.

A parceria visa fortalecer o vínculo entre a missão consular, gestão municipal e os haitianos que têm dificuldades financeiras para ir a Brasília acessar os serviços oferecidos pela embaixada. A iniciativa também proporciona a esses imigrantes serviços como emissão de carteira de identidade, certidão de nascimento, passaporte, certidões consulares, procuração e organizações de casamento.

Prefeito Rogério Cruz destaca que a força-tarefa é de grande importância para a comunidade haitiana. “Superamos a expectativa de atender 200 pessoas, e alcançamos 250 atendimentos”, afirma o prefeito, ao lembrar que os haitianos que vivem no Brasil têm o dever de manter a documentação sempre atualizada e válida junto à embaixada de seu país.

Para mais informações, a pasta disponibiliza o número (62) 3524-2802.

Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Políticas Afirmativas (SMDHPA) – Prefeitura de Goiânia

Direitos Humanos

Embaixada Haiti

prefeitura de goiânia

Cidadão

Empresa

Servidor

Turista