Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Transparência

Goiânia está entre as capitais mais transparentes em gastos com pandemia

Com nota 98,7, capital ficou em 4° lugar no ranking da ONG Transparência Internacional, que avalia as informações do Portal da Transparência dos estados e municípios

Publicado em: 31 de julho de 2020 às 11:55 | última atualização: 31 de julho de 2020 às 12:50

Goiânia está entre as 4 capitais mais transparentes do Brasil em relação aos gastos com a pandemia do coronavírus no ranking feito pela Organização Não-Governamental (ONG) Transparência Internacional. Em uma escala de 0 a 100, o município obteve nota 98,7 e está classificado na categoria "ótimo", com informações claras e acessíveis sobre as contratações emergenciais para o combate à Covid-19.

O levantamento é feito periodicamente pela ONG a partir da avaliação dos portais da transparência dos 26 estados, do Distrito Federal, das capitais e também do Governo federal. Obtém maior nota aqueles que trazem informações com maior clareza e agilidade.

O resultado desta última avaliação, feita neste mês de julho, confirma que Goiânia está cumprindo as exigências da Lei Federal que regulamenta as medidas para enfrentamento de emergência da pandemia.

De acordo com o controlador-geral do município, Juliano Bezerra, a Prefeitura tem trabalhado para manter um alto nível de transparência em todas as áreas.

"Alcançar esta nota foi possível graças ao trabalho empenhado de toda a equipe, junto com a Secretaria Municipal de Saúde e Secretaria Municipal de Comunicação, para dar publicidade aos gastos no enfrentamento da pandemia e na alimentação dos dados no Portal da Transparência", ressaltou.

" Esse esforço também foi reconhecido na última avaliação realizada pelo Tribunal de Contas do Munícipio, que colocou Goiânia entre as 15 cidades mais transparentes do Estado, com nota
97,12", falou o controlador, lembrando que a capital de Goiás, no ranking anterior do TCM, se encontrava na 229° posição, com nota 59.

O secretário municipal de Comunicação, Vassil Oliveira, lembra que é obrigação do poder público fazer a oferta de informações de forma transparente e acessível. "É para isso que trabalhamos", afirma.

Os dados sobre os gastos com a pandemia em Goiânia podem ser acessados no portal da Prefeitura de Goiânia, clicando na aba “Transparência COVID-19”.

O ranking de transparência no combate à Covid pode ser acessado no endereço https://transparenciainternacional.org.br/ranking/

Valéria Almeida, da Diretoria de Jornalismo