No mês dedicado às mulheres, a equipe que representa a Prefeitura de Goiânia no Torneio Sesi de Robótica First Lego League é formada apenas por meninas. Destaque na competição, as jovens estudam na Escola Municipal Alice Coutinho, na Vila Morais. A instituição de ensino da Secretaria Municipal de Educação (SME) foi a primeira a receber um Laboratório Maker e de Robótica da rede pública da capital.

Composta por estudantes do oitavo ano e batizada de “Delta EMAC”, a equipe atua em um projeto voltado para a prevenção de acidentes aéreos. A proposta da turma é apresentar, durante a competição, um mecanismo de proteção voltado para os pilotos das aeronaves.

A equipe que representa a Prefeitura de Goiânia é formada pelas estudantes Andressa, Maria Paula, Maria Eduarda e Lara Muniz.

Elas são dirigidas pelo professor Kleiber Sales, um dos pioneiros na elaboração de projetos de robótica na Rede Municipal de Ensino de Goiânia. Ele trabalha com o tema há mais de 10 anos, e presencia a consolidação da Cultura Maker nas escolas públicas da capital.

Lançados em outubro do passado pelo prefeito Rogério Cruz, os Laboratórios Makers ampliam o ensino de robótica em sala de aula e estimula a criatividade e o raciocínio lógico dos estudantes. O projeto está em fase de implantação e a previsão é de que 10 novos laboratórios sejam inaugurados nas próximas semanas.

“Se hoje Goiânia tem condições de enviar equipe para torneios nacional e estadual de robótica é porque a gestão municipal investe em projetos inovadores que colocam estudantes como protagonistas do processo de aprendizagem”, celebra Rogério Cruz. O torneio termina neste sábado (12/03), no Centro Cultural Paulo Afonso Ferreira, no Teatro Sesi.

Foto: SME

Secretaria Municipal de Educação (SME) – Prefeitura de Goiânia

EducaçãoGyn

prefeitura de goiânia