O prefeito Rogério Cruz, entregou, na manhã desta quinta-feira (28/04), 643 cartões do programa Renda Família + Mulher a beneficiárias da Região Oeste da capital. Evento ocorreu na Escola Municipal Presidente Vargas, na Vila João Vaz.

É a quarta remessa da terceira etapa do programa, que já beneficiou, em apenas quatro dias, 2.546 mulheres em situação de vulnerabilidade. O cronograma de distribuição do benefício segue até a próxima segunda-feira (02/05), quando completa a entrega de 4.280 cartões, de um total de 12 mil, nas três fases do Renda Família + Mulher.

“Investimos R$ 22 milhões de reais nesse programa, para auxiliar, durante seis meses, mulheres goianienses nesse momento de extrema necessidade. E tudo mais que pudermos vamos fazer, para melhorar a vida de todos nesta nossa cidade”, destaca o prefeito Rogério Cruz. “Graças a Deus, temos a alegria de poder trazer um pouco de dignidade a milhares de famílias necessitadas”, completa.

Para a secretária municipal de Política para as Mulheres, Tatiana Lemos, o programa faz justiça àquelas pessoas que mais sofreram durante a pandemia. “Elas foram as pessoas mais afetadas pela pandemia. As primeiras a perderem seus empregos, as que tiveram que ficar em casa com as crianças que estavam sem aula, e cuidaram dos doentes. O projeto foi pensado para socorrer essas guerreiras”, destaca.

Maria Aparecida Dutra, 64 anos, beneficiária do Renda Família + Mulher na Região Oeste | Fotos: Jackson Rodrigues e Fernando Leite

A dona de casa Maria Aparecida Dutra, 64 anos, é uma das contempladas, e ressalta que “depois de muito tempo, hoje eu acordei sorrindo. Ontem mesmo já fui ao supermercado e separei as coisas que quero comprar, assim que eu sair daqui. Esse cartão vai me ajudar muito, porque perdi meus filhos e agora eu crio meus netos sozinha. Só de saber que eles vão ter o pão e o leite todo dia, é um alívio muito grande. Hoje eu estou muito feliz”, afirma.

Daniela Sousa, 27 anos, que também recebeu o cartão nesta quinta-feira, disse que a ajuda chega em boa hora. “Estou desempregada e esse dinheiro vai fazer muita diferença na minha vida e na do meu filho, que tem só 6 meses e já passa tanta dificuldade. Agora vou poder comprar as coisas para ele”, conta.

Luana Rosa, 25 anos, diz que o cartão chega para trazer alívio à família dela. “Esse cartão vai me ajudar muito, porque tenho dois filhos e não estou trabalhando. Agora, com esse dinheiro, vou poder comprar comida para eles”, afirma.

Maria de Jesus Pereira Araújo, 61 anos, beneficiária do Renda Família + Mulher na Região Oeste | Fotos: Jackson Rodrigues e Fernando Leite

Maria de Jesus Pereira Araújo, 61 anos, conta: “Minha filha e meu neto moram comigo. Minha filha não pode trabalhar, porque tem um problema de saúde, então eu que faço tudo em casa e pago aluguel, energia e outras coisas. Esse dinheiro vai me ajudar demais. Vou poder comprar a comida que tá faltando, a verdura, a carne, o arroz e o feijão”.

Renda Família + Mulher
O programa foi criado exclusivamente para mulheres residentes na capital que estejam em situação de vulnerabilidade em decorrência da pandemia. Para cada beneficiada, são repassados R$ 1,8 mil, divididos em seis parcelas de R$ 300, creditadas no dia 10 de cada mês.

Na primeira e segunda etapas de entregas dos cartões, realizadas em dezembro e fevereiro, respectivamente, mais de 8 mil mulheres foram contempladas. A expectativa é de que, ao final da terceira etapa, cujas distribuições se encerram na próxima segunda-feira (02/05), mais de 12 mil residentes na capital sejam beneficiadas.

Acompanharam a entrega dos cartões nesta quinta-feira os vereadores Bruno Diniz, Sandes Júnior e Pedro Azulão Júnior, além dos auxiliares da Prefeitura Fernando Meireles (GoiâniaPrev), Gustavo Cruvinel (Controladoria), Jeová Alcântara (Procon) e Valdery Júnior (Agetul).

Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) – Prefeitura de Goiânia

prefeitura de goiânia

Renda Família Mais Mulher

Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres

Cidadão

Empresa

Servidor

Turista