Ouça a notícia aqui

Mais de 1,2 mil senhas para vacinação contra a Covid-19 foram entregues à população até às 12h30 desta quinta-feira (22/7) no drivre-thru do shopping Passeio das Águas. Para o local, conforme a Secretaria Municipal Saúde (SMS), 2 mil senhas foram disponibilizadas aos moradores da capital goiana com mais de 35 anos, sem comorbidades, e o atendimento no local é por demanda espontânea.
De acordo com o titular da SMS, Durval Pedroso, 793 senhas ainda estão disponíveis para a vacinação. “Estamos com os nossos servidores da imunização disponíveis no local e esperamos que as pessoas com mais de 35 anos se conscientizem e procurem o local para receber o imunizante”, frisou o secretário, lembrando que a vacinação é a única maneira de vencer esse período pandêmico.

O representante comercial Thiago Gonzaga foi logo cedo ao local em busca da vacina e disse que nem precisou pegar fila. “Foi muito tranquilo, não precisei dormir na fila e nem demorei para ser atendido. Cheguei aqui e logo cedo fui vacinado”, comentou, ao acrescentar que seus familiares com idade acima de 35 anos também estavam na fila.

Segunda dose (AstraZeneca)

O secretário Durval Pedroso lembra que Goiânia segue aplicando a segunda dose para pessoas com aprazamento para o mês de julho. “Nesta quinta-feira (22/7), poderão receber o imunizante AstraZeneca aqueles com data marcada até o dia 24/7 e em atraso, sem necessidade de agendamento”, explicou.
Excepcionalmente hoje, por conta da testagem ampliada, as escolas municipais não serão disponibilizadas para aplicação de segunda dose. A administração da segunda dose está disponível na Área I da PUC Goiás até às 17h”, citou o secretário.

Grupos prioritários

Já o atendimento para os grupos prioritários para a vacinação contra a Covid-19 segue no CSF Leste Universitário. No local, o agendamento é disponível para idosos, pessoas com comorbidades, trabalhadores da saúde e profissionais da Educação. As gestantes e puérperas continuam sendo atendidas no Ciams Dr. Domingos Viggiano (antigo Ciams Jardim América), sem agendamento.

Mauro Júnio, da editoria de Saúde

Drive-thru

Vacinação Covid-19