A Guarda Civil Metropolitana (GCM) já registrou, na manhã desta quinta-feira (9/4), alguns flagrantes de pessoas desobedecendo as interdições e utilizando as academias ao ar livre  em parques e praças da capital. Um dos fatos ocorreu no Parque Vaca Brava, no setor Bueno. 

A CGM alerta que as ações de fiscalização serão intensificadas até o fim da pandemia e quem descumprir poderá ser autuado com um Termo Circunstanciado de Ocorrência, (TCO), multa ou até mesmo detenção.  O trabalho da Guarda é realizado em parceria com agentes de fiscalização da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma) e Polícia Militar (PM-GO).
De acordo com os agentes que estavam no Parque Vaca Brava, o grupo foi orientado sobre a importância do isolamento para evitar a disseminação do vírus e imediatamente deixou o local. 

Segundo o guarda civil Rodrigo Moraes, que participou da ação de fechamento das academias, o isolamento é uma necessidade já que o risco é enorme para a população. “Temos feito o trabalho de orientar, conscientizar e agora fiscalizar a utilização de espaços públicos como as academias ao ar livre, para evitar que tenhamos um grande número de casos da Covid-19”, ressalta.  

Diego Reis, da Diretoria de Jornalismo

academia ao ar livre

coronavirus

Segurança