Ouça a notícia aqui

A Prefeitura de Goiânia disponibilizou, nesta quinta-feira (12/8), o Sistema de Levantamento e Gestão Patrimonial, ferramenta digital que será utilizada para o controle de bens mobiliários do município. Com acesso via web ou pelo celular, o controle de patrimônio online vai gerar economia, agilidade e poupar recursos humanos, uma vez que automatiza o trabalho antes feito de forma manual por servidores.

Desenvolvido pela Secretaria Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sictec) em parceria com a Comissão Permanente dos Bens Patrimoniais Mobiliários, ligada à Secretaria Municipal de Administração (Semad), o Sistema de Levantamento e Gestão Patrimonial armazenará todas as informações digitalmente, dispensando assim a necessidade de autuação de processos físicos.

“Antes era necessário cerca de três meses para realizar esse levantamento. Com o novo sistema, devemos finalizar esse trabalho em um mês, já que a otimização do processo é maior, além da economicidade pela não utilização de papéis. Antes se gerava relatórios com mais de duas mil folhas”, conta a presidente da Comissão Permanente dos Bens Patrimoniais Mobiliários, Daniella Calaça. Ainda de acordo com a presidente, o Sistema de Levantamento e Gestão Patrimonial tem uma diferenciação na capacidade de trazer informações mais fidedignas para as contas do município.

“O serviço ficará mais ágil, assertivo e tecnológico, uma vez que tudo estará atualizado na base de dados da Prefeitura. É mais uma ferramenta para modernização da administração municipal”, explica o secretário da Sictec, André Martins. 

Como acessar

O acesso ao Sistema de Levantamento e Gestão Patrimonial será feito através do portal Intranet, informando o órgão onde será realizado o levantamento, a unidade de lotação onde o mobiliário está localizado e, também, o nome do responsável pela unidade. O servidor deverá digitar o código do item a ser inventariado, confirmar as informações e informar o estado de conservação do bem. É possível também anexar imagens do mobiliário, quando necessário.

Rafaela Ferreira, da editoria Inovação, Ciência e Tecnologia

prefeitura de goiânia

Sictec

Sistema Digital