Estamos migrando o conteúdo dos antigos sites da Prefeitura. Se não encontrar o que está procurando, CLIQUE AQUI e acesse o site antigo.

VOLTAR para o site antigo.

BETA i

Coronavírus

Comurg inicia testagem em massa para covid-19

Cerca de cinco mil servidores serão beneficiados com a ação. Exame identifica se a pessoa está com a doença e ajuda a diminuir a transmissão do vírus

Publicado em: 13 de agosto de 2020 às 14:25 | última atualização: 13 de agosto de 2020 às 15:07

A Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) iniciou nesta quinta-feira (13/08) a testagem ampliada em todos os servidores ativos para identificar a infecção pelo novo coronavírus em servidores da órgão. Segundo o presidente da Comurg, Aristóteles de Paula, com o atual cenário de disseminação da pandemia é importante continuar com ações preventivas para reduzir a possibilidade de disseminação entre os empregados.

“Mesmo com todas as medidas de segurança e prevenção, como o uso de máscaras e álcool em gel, bem como a lavagem frequente das mãos e o distanciamento social, é difícil reduzir a zero o risco de contaminação. A testagem identifica aquele trabalhador que está com a doença e não apresenta sintomas. Assim podemos interromper o ciclo de contágio”, afirma.

Foram adquiridos cinco mil testes e a expectativa é testar cerca de quatro mil servidores nesta primeira etapa. Os exames serão avaliados pelas equipes do Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho (Sesmt) e os resultados saem em 48 horas. Aqueles que foram positivados serão informados pelas equipes do Sesmet que tomarão as providências e protocolos necessários. 

Desde o início do período de pandemia, a administração da Companhia de Urbanização adotou uma série de medidas de proteção à saúde do trabalhador. Foram instalados dispenser de sabonete líquido e álcool em gel em todos os pontos de apoio, no aterro sanitário, na diretoria de transporte e na sede administrativa.

Em todas as entradas, o servidor passa por um termômetro infravermelho sem contato para aferir a temperatura. Todos estes pontos recebem produtos de limpeza para manter a higienização dos locais e passam por sanitização. Na sede só é permitida a entrada de pessoas autorizadas em alguns setores específicos.

Também é feita distribuição de máscara para os trabalhadores e a fiscalização do uso da mesma foi intensificada. Medidas administrativas são tomadas em caso de descumprimento. Já nos pontos de apoio espalhados pela cidade, os técnicos de segurança estão passando orientações aos servidores para os cuidados necessários.

Hacksa Oliveira, da editoria de Urbanização

Foto: João Araújo