Suspensas durante o período de recesso do final de ano, as atividades ofertadas pela Prefeitura de Goiânia nos Centros de Convivência dos Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) voltaram a atender a população. Unidades, administradas pela Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (SEDHS) oferecem gratuitamente atividades artísticas, culturais, de lazer e esportivas para crianças, jovens e idosos.

De acordo com o titular da SEDHS, Nélio Fortunato, as atividades tem como objetivo fortalecer as relações familiares e comunitárias, além de promover a integração e a troca de experiências entre os participantes, valorizando o sentido de vida coletiva. “O serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos possui um caráter preventivo, pautado na defesa e afirmação de direitos e no desenvolvimento de capacidades dos usuários. Além disso, é um dos pilares do conjunto de políticas públicas criado para atender principalmente crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade”, explica.

Nas unidades também são atendidas pessoas com deficiência, pessoas que sofreram violência, vítimas de trabalho infantil, jovens e crianças fora da escola, jovens que cumprem medidas socioeducativas, idosos sem amparo da família e da comunidade ou sem acesso a serviços sociais, além de outras pessoas inseridas no Cadastro Único (CadÚnico).

Aos idosos são oferecidas aulas de artesanato, costura e violão. As crianças e jovens são atendidos por pedagogos e têm atividades esportivas de segunda a sexta-feira.

Para participar do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, o cidadão deve procurar o Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) ou Núcleo de Assistência Social (NAS) mais próximo do seu endereço e fazer inscrição.

Foto: Sedhs

Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (SEDHS) – Prefeitura de Goiânia