Coronavírus

Prefeitura realiza mais uma testagem rápida de antígeno nesta sexta-feira

Interessados podem fazer o agendamento a partir das 12h de quinta-feira (8/4) pelo site da SMS

Publicado em: 07 de abril de 2021 às 13:49 | última atualização: 07 de abril de 2021 às 13:49

A testagem para diagnóstico da Covid-19 é a única forma de identificar pacientes infectados, especialmente assintomáticos, e isolá-los, evitando a transmissão do vírus. Por isso, a Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS), segue com as ações de testagem ampliada e realiza, nesta sexta-feira (9/4), o 13ª teste rápido de antígeno do ano. Interessados podem fazer o agendamento pelo site da SMS a partir das 12h desta quinta (8/4).  

O objetivo da testagem é identificar assintomáticos e, em seguida, orientá-los quanto ao tratamento e isolamento. Deste modo, quebra-se a corrente de propagação do vírus. Como o objetivo é evitar contaminação, a estratégia utilizada pela Prefeitura é a testagem por agendamento, otimizando o atendimento aos pacientes ao reduzir o tempo de espera. 

“A partir das 12h desta quinta-feira, o interessado pode acessar o site da SMS e fazer seu agendamento. Basta inserir os dados solicitados e escolher entre as unidades que disponibilizam o atendimento”, explica a gerente de Doenças e Agravos Transmissíveis (SMS), Marília Belmira de Castro Rêgo. O atendimento acontece em escolas municipais da capital, apresentadas no momento em que o paciente agendar seu teste. 

O link para agendamento será disponibilizado pelo endereço   https://www10.goiania.go.gov.br/AgendamentoExame_COVID19/AgendarExame.aspx ou através de banner localizado no canto inferior do site da SMS. Lembrando que o agendamento é feito a partir das 12h desta quinta-feira (9/4).

No exame, é utilizado o teste de antígeno, procedimento feito por meio da coleta do material no nariz, utilizando o swab, uma espécie de haste flexível. O resultado fica pronto em cerca de 20 minutos. Podem fazer o teste pessoas acima de 12 anos que não apresentem sintomas. Em caso de positivação, o paciente é encaminhado para atendimento ainda no local, recebendo todas as orientações para tratamento e acompanhamento. 

Pessoas sintomáticas, por sua vez, devem procurar uma das 42 unidades de saúde aptas para realizar o teste RT-PCR. O resultado é liberado em até 24h e pode ser visualizado pela internet, conforme orientação das equipes coletoras. 

Luciana Gomides, da editoria de Saúde