Assistência Social

Ação conscientiza contra o trabalho infantil

Publicado em: 18 de junho de 2021 às 11:21 | última atualização: 18 de junho de 2021 às 16:16

Foto: João Pedro Cabral Veiga

Tamanho da fonte:
-A A A+
Ouça a notícia aqui

A Prefeitura de Goiânia realizou na manhã desta sexta-feira (18/6) ação de combate ao trabalho infantil em Goiânia. O tema também foi abordado em lives transmitidas ao longo da semana.

A pasta buscou mostrar que lugar de crianças e adolescentes não é nos sinais, mas convivendo com suas famílias, estudando e brincando com outras crianças. A Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (Sedhs) aponta que o mais preocupante é que o trabalho infantil continua sendo visto com naturalidade por grande parte da sociedade brasileira.

De acordo com a Constituição Federal, o trabalho de crianças é proibido para quem tem menos de 16 anos, exceto na condição de aprendiz legal, a partir dos 14 anos. No entanto, o Brasil ainda registra mais de dois milhões de crianças e adolescentes de 5 a 17 anos trabalhando. O trabalho infantil ainda e realidade em olarias, carvoarias, lixões, nas ruas, oficinas, além do trabalho infantil doméstico.

Erradicar o trabalho infantil até 2025 é um dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) do Brasil. Para alcançar a meta é necessário de apoio da população em participar das políticas públicas e apoiar as ações coordenadas entre diferentes setores como Ministério Público do Trabalho (MPT), Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI), Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Conselho Tutelar, Diretoria de Proteção Social Especial (DPSE) e Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Hiago Miguel, da editoria de Desenvolvimento Humano