Cultura

Prefeitura prepara retorno presencial de atividades da Orquestra

Retomada deverá ocorrer em núcleos distintos e também na sede da Orquestra, no Parthenon Center. Editais para convocação deverão ser lançados neste mês

Publicado em: 22 de julho de 2021 às 14:29 | última atualização: 22 de julho de 2021 às 14:40

Tamanho da fonte:
-A A A+
Ouça a notícia aqui

A Prefeitura de Goiânia prepara para agosto o retorno presencial das atividades educacionais da Orquestra Sinfônica de Goiânia (OSG), entre elas, da Rede Municipal de Núcleos Musicais. A retomada deve ocorrer nos vários núcleos espalhados pela cidade e também na sede da Orquestra, que fica no Parthenon Center. Os editais para convocação de novos alunos deverão ser lançados ainda neste mês.

A Rede Municipal de Núcleos Musicais de Goiânia é um programa de formação musical pedagógica, coordenado pela Orquestra Sinfônica da capital, que tem como objetivo propor, manter e subsidiar iniciativas de educação musical nas regiões periféricas da cidade. Mantém três grupos musicais, compostos por bolsistas: Banda Juvenil de Goiânia, Orquestra Jovem Municipal Joaquim Jayme e Coro Juvenil de Goiânia.

“Cada beneficiário recebe um auxílio de meio salário mínimo da Prefeitura. É um programa extremamente importante, por meio do qual auxiliamos na formação de estudantes de música, na integração e na inclusão social, além do desenvolvimento de valores culturais e sociais”, conta o maestro titular e diretor artístico da OSG, Eliseu Ferreira. Atualmente, 182 bolsistas são beneficiados pelo programa.

Desde o início da pandemia de Covid-19, a Rede começou a realizar uma série de atividades de formação musical, online e gratuitas, com cursos variados de instrumentos e canto, atendendo a público de Goiânia e outros estados brasileiros. “É a contribuição da Prefeitura de Goiânia ao desenvolvimento da cultura musical do país”, diz Eliseu Ferreira.

Com o avanço da vacinação na capital e novas medidas sanitárias, a Rede começou a realizar, em maio, algumas atividades presenciais com a Banda Juvenil e a Orquestra Jovem. Foram oito apresentações em praças e parques da cidade, além de mais de 30 atividades online no canal de vídeos da Orquestra Sinfônica de Goiânia e nos perfis do Instagram e Facebook.

Márcia Abreu, da Diretoria de Redação
Foto: Jucimar de Sousa